Festa de São João e São Pedro


Festividades realizadas entre os dias 24 e 29 de Junho, de tradição Luso-Açoriana (as Festas Joaninas são populares em Portugal e nos Açores), a mais de dois séculos já é realizada em Armação do Itapocoróy, onde o Santo São João é Patrono da Capela. São Pedro é comemorado junto devido a ser o Santo Protetor e Patrono dos pescadores. A imagem de São João Batista, esculpida em madeira e trazida do Rio de Janeiro para a primeira Festa comemorativa à inauguração da Capela, em 1.759, ainda resiste ao tempo e é parte do Acervo Histórico da Capela.

Os destaques da Festa de São João são as Procissões de São João, por terra, e de São Pedro, pelo mar, que se encontram na altura da Praia da Cancela, no Trapiche, e retornam em Procissão até a Capela quase tricentenária.

No decorrer das festividades, também destacamos as novenas, apresentações folclóricas – quadrilhas, pau de fita, etc. – Shows musicais e Gastronomia típica local. No sábado há a grande Rifa da Fogueira e a queima de fogos de artifício para acender a Fogueira, à meia noite. No domingo o almoço com a tainha assada, churrasco de igreja, bolos, pastéis, muito quentão e pinhão, que regam os bingos tradicionais de São João.

Em um registro do início dos anos 2000, o saudoso Evilésio da Costa relatou:

“Serão mais de 10 dias de evento (festa), que nesta primeira etapa de nove dias – das novenas – tem mais interesse religioso. Após as novenas, pode-se acessar o Salão Paroquial, onde uma equipe de voluntários prepara bolos, pastéis, quentão e pinhão para se degustar desta culinária típica e jogar o bingo. O último dia da semana da Festa é reservado aos Shows, Quermesse e Fogueira. No entanto, os momentos mais tradicionais – e singulares – da principal Festa Junina de Penha estão mesmo nas Celebrações Religiosas. A Festa não apenas homenageia o Padroeiro da primeira Igreja da região da Amfri, como também o Padroeiro dos pescadores: São Pedro. Por isso o nome: Festa de São João e São Pedro.”

A Festa de São João e São Pedro já recebeu em Armação do Itapocoróy, muitos artistas famosos da música brasileira, como o Trio Parada Dura e s dupla Tonico e Tinoco. A Festa teve, por muitos anos, a voz marcante no auto falante de nada mais nada menos que o nosso saudoso Expedicionário Tenente Milton Fonseca. O Sr. Cláudio Bersi também muito colaborou com essas festividades, pois sua saudosa esposa, Dona Lucinha, tinha uma ligação religiosa muito forte com as atividades da Capela.

Em 1986, o então Governador do estado de Santa Catarina, Sr. Pedro Ivo Campos, esteve presente na Festa daquele ano e, ao perceber e participar da Procissão, no domingo, prometeu que no ano seguinte construiria um trapiche para auxiliar a festividade na praia, objeto que também serviria de apoio à pesca artesanal do local. Em 1987, o Trapiche Pedro Ivo foi construído no canto norte da Praia de Armação do Itapocoróy, bem ao lado da Cancela. Até hoje, após vários processos de reforma, está lá o trapiche, servindo agora também de atrativo turístico para a cidade de Penha.

As colaborações do Governo Municipal se estendem pelos anos vividos desta Festa mais tradicional e antiga da cidade. E Nestes 3 últimos anos  – 2017, 2018 e 2019, as colaborações foram em forma de estruturas, bandas, Shows, material e confecção da Fogueira de São João e de enfeites tradicionais, confeccionados pelo Departamento de Cultura da cidade. A colaboração da Comunidade de Armação do Itapocoróy é fundamental na realização das festividades, tanto na arte culinária, como na organização dos bingos, doação de prendas, limpeza e comemorações folclóricas.

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *